quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Maior Caranguejo do Mundo

Esse caranguejo tem os membros achatados e assimétricos, todos situados do mesmo lado do abdome. Por isso, apesar da carapaça que reveste seu abdome, é fácil concluir que se trata na verdade de um caranguejo-ermitão cujos ancestrais distantes deixaram o “lar” marítimo para viver em terra. Distribuídos por todas as costas do oceano Índico e do sudoeste do Pacífico, os caranguejos dos coqueiros adaptam-se perfeitamente à vida terrestre, embora precisem voltar à água de tempos em tempos para se reidratar. É talvez para beber a água retida nas folhas que eles sobem nos coqueiros.

Não certamente para colher cocos, pois só são capazes de comer a polpa desses frutos quando já os encontram no chão, partidos. Como os caranguejos de verdade, os caranguejos dos coqueiros são basicamente carnívoros.

As fêmeas desovam no mar, e dos ovos saem pequenas larvas nadadeiras que, depois de algumas metamorfoses, tornam-se pequenos caranguejos-ermitãos. No começo estes vivem no mar e se abrigam dentro de conchas vazias. Quando crescidos mudam-se para a terra, onde se refugiam durante algum tempo em conchas de caracol. Depois, não precisam mais de abrigo.

Informações:

Filo: Arthropoda

Class: Crustacea

Ordem: Decapoda

Família: Cenobitidae Características:

Largura da carapaça: 15cm

Envergadura: 45cm

Peso: 2kg

caranguejo6